Vitamina C – a polêmica voltou


A polêmica a respeito da vitamina C é antiga. Linus Pauling, duas vezes coroado com o Prêmio Nobel, era um dos seus maiores defensores. Depois, pesquisas foram demonstrando que seus benefícios eram menores. Agora, pesquisadores da Oregon Health & Science University (OSHU) redescobriram as virtudes dessa vitamina. Doses relativamente altas são necessárias para manter a retina dos olhos funcionando bem – e os olhos também!

Está tudo no plano das hipóteses iniciais. Porém, não há dúvida de que as células nervosas dos olhos se comunicam com o cérebro. Uma parte importante da pesquisa foi negativa: tiraram a vitamina C da retina e ela parou de funcionar. E talvez a vitamina C reduza o risco de glaucoma. Mais interessante: retirando a vitamina C da retina provocou uma paralisia nos receptores GABA no cérebro.

A vitamina C é solúvel em água e eliminada do corpo com certa rapidez e facilidade. Não ajuda consumir muita vitamina C uma vez por mês. Precisamos dela (mas não em quantidades cavalares) todos os dias. Não obstante, ela fica mais tempo no cérebro. A falta séria de vitamina C está associada com a depressão. Associada não significa que causa, nem que aumenta, porque a relação ainda não foi bem estudada.

Aprendi algo mais: a retina é parte do sistema nervoso central. Danos à retina podem afetar o sistema nervoso central.

Vou voltar para os meus dois copos diários de suco de laranja, acerola etc.

GLÁUCIO SOARES

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s